quinta-feira, 6 de janeiro de 2011

Acontecimentos da semana

Pois é, essa semana foi bem interessante. Começou assim:
Segunda-feira estou lá na Morana, num dia calmo, tranquilo demais. 
Arrumo a seção de festa - nicho dedicado aos brincos e colares "indecentes " de tão brilhantes. Penso que aquilo tudo não faz sentido, a não ser numa estrela de cinema, numa princesa raptada de um castelo ou odalisca dos sonhos da gente - no máximo da fantasia ok. Tipo aquelas vinhetas que aparecem no Medalhão Persa, em que a modelo aparece no deserto - coberta de jóias e uma túnica de seda. Só o vento é capaz de tocar essa mulher.
Em meio aos meus pensamentos, percebo uma movimentação diferente, do tipo que pessoas de energia belíssima provocam ao adentrar um espaço. Os olhos das vendedoras se ergueram e percebi um suspiro numa delas. Olho atrás de mim, para a porta: Esmeraldah.
Peraí.
É, peraí.


Além de fã, admiradora  e aluna (sim, melhor aula particular ever) - sou apaixonada , paga pau,  por essa "garota das bochechas rosadas".
Isso ficou evidente quando eu disse: Para tudo, gente! Essa é Esmeraldah, Bellydancer internacional - há mais de 10 anos nos países árabes. . . - e eu não parava de baixar o C. V. da sílfide. 
Mas o fato é que a gente admira essa pessoa por uma série de coisas. Ela fisgou minha atenção com seu diário de viagem, há muito tempo . Além de linda e inteligente a bichinha se mostrava cheia de personalidade, numa época em que isso não era muito apreciado entre bailarinas.
Em 2005, tive a oportunidade de fazer uma aula de khaliji com ela, durante sua passagem por São Paulo. Foi quando a conheci pessoalmente e fiquei besta de vez.
Na última segunda-feira a vi ainda mais bonita e confiante, com aquele glow  magnífico de uma mulher que está feliz e satisfeita, muito obrigada. Realizando projetos, dedicando-se a si mesma e ao que acredita. Tudo com muita paixão nos olhos.
Ninguém segura um espírito livre: ele se movimenta por pura inspiração. 
Em meio ao emaranhado de obrigações e  convenções do mundo existe um intervalo: foi nesse intervalo que abracei Esmeh com muito carinho dentro da loja da Morana.











2 comentários:

  1. Oh delicia de encontro ... além de ser tudo isso , o que é a pele dessa criatura ???

    ResponderExcluir